27
Jan 14

Radicalmente visceral. 2014.

Tudo diferente, tudo novo, tudo possível. 

Deixei de ter emprego. Passei a ter tempo. Opções...

Consigo ir ao meu ginásio, como dantes, melhor talvez. Defino objectivos, traço caminhos. Todos viáveis, todos possíveis.

O espaço abre-se à minha frente, em meu redor. É meu. Eu decido. E aqui vou, de cabeça erguida. Cheia de medo, mas de olhos abertos e passos firmes.

 

publicado por AMS às 23:37

13
Nov 09

Sexta-Feira 13.

:-)

 

Isto promete.

 

Facilmente perdi mais 3 quilos. Viva o Wellbutrin, que me tem ajudado na perda do apetite e, efectivamente, na perda de peso.

Haja alguma coisa boa nisto tudo.

 

O segredo reside também na quantidade de água. Se há um dia em que não bebo os dois litros sinto-me dissecada por uma garganta seca.

publicado por AMS às 10:20

07
Out 09

há que acreditar. E persistir.

Rejeitada por uma auto-estima vergonhosa, insisti nos principais elementos da dieta e tenho vindo a conseguir resultados.

Convém reforçar que desde finais de Julho consegui dar cabo de 5 kilos indesejáveis.

 

 

Faltam dez. Mas agora acho possível.

As águas com sabor, Vitalis ou Luso, ajudam mesmo. Vai corroendo a fome e ao fim destas semanas é-me traquilo um dia alimentado com 200 gramas de feijão verde e outro tanto de peixe assado.

 

Tranquilo.

E persisto porque até aos 58 ainda falta um bocado. E agora será mais difícil.

 

 

publicado por AMS às 21:49

13
Mai 09

Consegui sobreviver a uma semana de dieta e só fiz um grande disparate: comi duas bolas de gelado Haagen Daaz antes do cinema de sábado... tss... tss.....

 

:-)

 

 

Que se lixe.

De qualquer modo,  a situação é a seguinte:

 

- pequeno-almoço

tem sido regra, beber um iogurte líquido magro Activia

comer duas tostas ou uma fatia de pão integral

 

- meio da manhã

articulado com um litro de água (tem sido cumprido religiosamente), uma pequena taça de cereais Fitness com frutos (sem leite, apenas ir petiscando)

 

- almoço

carne grelhada ou peixe cozido com legumes e/ou salada

 

- meio da tarde

água, outro litro, inteirinho

 

- jantar

nada de muito concreto... vou petiscando o resto do jantar dos miudos: ou carne grelhada ou peixe cozido.

por vezes, salada de alface com tomate

e, claro, água :-)

 

Neste processo, perdi 1 Kg.

 

uau.

publicado por AMS às 16:29
sinto-me: ainda obesa

06
Mai 09

Este é um menu de dieta que o meu irmão está a seguir.

Em 2 meses ele conseguiu perder 9 kgs.

 

Semana 1 e 2

 

ALIMENTOS PERMITIDOS
(quantidade limitada - é importante não comer "à bruta", portanto)

 

1 Bolinha de mistura, integral ou escuro ao pequeno-almoço (se não comer ao pequeno-almoço, já não come no resto do dia)
1 Copo de leite magro/meio gordo/soja por dia
1 Iogurte magro por dia
2 Queijos frescos/triângulos/bolas por dia

 

ALIMENTOS PERMITIDOS
(quantidade ilimitada - estes, em caso de necessidade, podem mesmo comer-se "à bruta")


Podem ser consumidos cozidos, grelhados ou cozinhados em azeite (q.b.)

CARNES
Todas – excepto carne de porco

 

PEIXES, MARISCOS, MOLUSCOS
Todos – exemplo: atum em conserva de água ou azeite

 

OVOS
Cozidos, omoletes ou estrelados em azeite

 

ENCHIDOS
Fiambre, mortadela, salpicão e salsichas de peru ou frango, presunto sem gordura

 

VERDURAS
Alface/Pepino/Agriões/Rúcula/Espinafres/Nabiças/Espargos/Grêlos (apenas estes numa primeira fase e sem misturar uns com os outros na mesma refeição)
Bróculos/Feijão Verde/Couve-Flôr/Courgettes/Tomate/Cebola/Alho Francês/Nabo/Rabanete/Beringelas/Cogumelos/Rebentos de Soja/Lombardo/Couve Portuguesa e Galega/Couves Bruxelas

 

BEBIDAS
Água (1,5 l – 2 l), Chá e Café sem Açucar
Coca-Cola Light ou Zero, Águas com Sabor

 

SOBREMESAS
Gelatina Condi Light (origem animal – encontra-se no Celeiro)/Royal 10 Kcal


NOTA: Escolher um dia por semana em que podem fazer todas as asneiras e fugir à dieta!

 

 

Semana 3 e 4

(partindo do princípio que ainda estamos vivos)

 

Podemos introduzir 1 peça de fruta por dia:
- 1 maçã
- 1 pêra
- 1 laranja
- 1 pêssego
- 1 fatia de ananás/abacaxi
- 1 taça de morangos/cerejas
- 2 kiwis (comer seguidos, 1 vez ao dia)
- 2 tangerinas/clementinas (comer seguidos, 1 vez ao dia)

 

Podemos ainda introduzir:
- Alho francês
- Nabo
- Rabanete
- Courgettes
- Beringelas
- Cebola
- Cogumelos
- Rebentos de soja
- Couve lombardo
- Couve portuguesa
- Couve galega
- Couve bruxelas

 

Pequeno-Almoço: Mantém-se igual


Meio da manhã: Mantém-se igual


Almoço: Mantém-se igual (se quisermos podemos comer a peça de fruta depois do almoço, é preferivel do que depois do jantar!!)


Meio da tarde: Mantém-se igual


Jantar: Podemos introduzir a sopa ao jantar pelo menos 4 vezes por semana, intercalando com o prato normal.

 

Exemplo de sopa: 2 courgettes + 2 cebolas + 2 alhos francesas + 1 nabo + espinafres/agriões (sem batata!)

 

publicado por AMS às 10:00
tags: ,

05
Mai 09

 

 

Comecei a levar isto a sério.

Estou horrível :-)

 

 

No passado fim de semana pesei-me e a balança alcançou valores da época da gravidez.

É verdade. 76,7 Kg! É um record.

 

A regra do processo que se inicia, baseia-se nalguns simples pressupostos:

- Vou ter mesmo de "passar fome" durante algumas semanas, para reeducar o meu organismo.

- No mínimo, consumir 1,5 litros de água (nisso não sinto grande dificuldade)

- Erradicar totalmente o pão, seja como for (poderei permitir-me umas tostas integrais aos fins de semana)

- Erradicar totalmente qualquer tipo de doce (tenham em conta, por favor, que sou absolutamente viciada em chocolate!)

- Manter-me nos alimentos simples: grelhados, cozidos, crus... (nada de complicado, verdadeiramente)

- Abusar das saladas, legumes e vegetais, abolindo a batata, cenoura e outros semelhantes

- Substituir o jantar por uma considerável chávena de chá verde (já faço isso há meses, mas agora tem de ser LEI)

- Pesar-me apenas uma vez por semana

- Manter-me fiel a estes pressupostos, indefinidamente.

 

Acima de tudo, não desistir. Vá lá... desejem-me sorte!

publicado por AMS às 14:01
sinto-me: agora sim, obesa

19
Abr 09

O processo parece-me sempre como um fardo que me não pertence. Iniciar um projecto destes tem associado o desejo de uma transfiguração física e, por conseguinte, social.

A minha imagem, ou melhor a ideia do que é a minha imagem, implica directamente na minha maneira de estar, de agir. Quer queira quer não infere na minha autoconfiança, capacidade de exposição pertante os outros e em coisas tão simples como a mera forma de andar.

 

Querer mudar é querer alterar o que sou ou parte do que sou. Porque não gosto, não me sinto bem ou desejo outra coisa.

 

Encontro-me actualmente com peso a mais. Quero fazer dieta. Perder peso, tonificar a pele, sentir-me mais leve e ágil.

Tenho 35 (quase 36 anos) e nos últimos 4 anos engordei 15 quilos. Perdi 2, recuperei 3, perdi 4, recuperei 3... enfim, o eterno iô-iô.

Outro elemento de enorme importância é que sempre tive um metabolismo incompetente. Em miúda comia pouco e engordava sistematicamente. Fazia pouco exercício e refugiava-me em livros e desenhos. Não queria expor a minha incapacidade de coordenação física e falta de destreza para o desporto.

Depois as coisas foram-se alterando. Consegui recuperar alguma elegância numa altura de apertada depressão. Passava dias seguidos sem comer, sem parecer sequer ficar afectada. Sentia-me constantemente mal e infeliz, mas segundo me diziam, estava demasiado magra. Engraçado que não tenho uma foto dessa altura, não me recordo de uma única imagem minha.

Alguns anos depois pareceu-me que a depressão se esvaziava e lá consegui mudar-me um pouco novamente. Fazia exercício quase todos os dias. Adorava correr. Gostava da sensação de inutilidade persistente da corrida. Corria horas na passadeira, a contar os metros, quilómetros... pulsações, tempos... Andei em forma durante algum tempo.  E sentia-me bem.

 

Desculpei-me na gravidez e no trabalho o total desprezo que manifestei pelo meu corpo nos anos seguintes. Cansada, exausta, magoada. O corpo carregava-me por arrasto. Nunca mais lhe devotei a atenção devida. Ele reclama-me agora. E eu quase desisto.

 

 

publicado por AMS às 15:54
tags: , ,

08
Mar 09

É verdade. Ainda não arrancou.

Estou oficialmente no dia zero. Zero. ZE-RO.

Assim protelo sistematicamente o sentimento de frustração que há-de vir com o dia 5 ou 6... :-)

 

 

Acabei de vir do supermercado e empaturrei-me de waffers, salame de chocolate e alguns amendoins.

 

Este meu projecto vai ser - decididamente!!! - um sucesso.

 

 

publicado por AMS às 17:42
tags: ,

01
Mar 09

 

 

Em Inglês soa melhor: "diet personality"

 

Recomendo este quiz para começar. E, se calhar, fazer duas ou três vezes, para minimizar as "almofadinhas cor-de-rosa" com que nos camuflamos ..

 

 

Eu fiquei como:

 

The Office Space Dieter (mas sou bem mais gira, acreditem..)

 

Description: Office Space Dieters are those people who, in addition to overeating, tend to snack on bad foods and who lack regular exercise in their daily life. Because their daily lives are lethargic and lack sufficient exercise, their metabolism is slow and they end up gaining weight. Office Space Dieters tend to do well on diet plans that emphasize exercise in addition to a healthy diet.

 

publicado por AMS às 15:37
tags: ,

Esta seria, muito provavelmente, a minha preferida. Não fosse a ligeira desconfiança quanto à verdadeira eficácia.

 

Fica, de qualquer modo, a sugestão :-)

 

Cookie Diet

publicado por AMS às 15:29
tags: ,

Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

RSS
arquivos
pesquisar
 
blogs SAPO